Aplicativo Mercado Livre

Aplicativo Mercado Livre

E você quer saber mais (ou tudo) sobre o aplicativo Mercado Livre, nós do Quero Telefone falaremos sobre ele hoje. E, como você perceberá, ele é bem fácil de se instalar e de se usar.

E o suporte é bastante fácil também. Ele pode ser consultado tanto no chat do próprio aplicativo quanto em canais mais tradicionais. Como o telefone Mercado Livre e o telefone do Mercado Pago.

De fato, assim como a maquinha do Mercado Livre, esse aplicativo se mostra como mais uma forma de dar dinamicidade ao seu negócio. Isso pois permite que se utilize as funcionalidades da plataforma, onde quer se esteja.

Por isso, falaremos do aplicativo hoje. Além, é claro, de comentarmos, um pouco, sobre a própria empresa. Fique conosco para saber mais.

Do Que Se Trata o Mercado Livre?

Primeiramente, falaremos sobre o próprio Mercado Livre. Isso para que todas as informações sejam inseridas dentro de um contexto.

O Mercado Livre surgiu com um objetivo de se tornar uma referência no varejo digital, na América Latina. A exemplo do que o eBay se tornou nos Estados Unidos.

Como parte de seus sócios é argentina, uma das sedes se encontra nesse país. A outra parte é brasileira. Logo, a outra sede se encontra aqui.

E, aliás, foi a partir de sua entrada no Brasil, que seus negócios cresceram significativamente. Isso se dá porque o mercado consumidor, no Brasil, é bem maior que no país vizinho.

Esse crescimento foi tanto que levou a empresa a se expandir para outros países. Contando, Argentina e Brasil, são 19 países onde o Mercado livre atende, por toda a América Latina. Cumprindo, assim, o seu objetivo.

Dessa maneira, o Mercado Livre, se tornou, em primeiro lugar, uma empresa de fornecimento de tecnologia, voltada ao varejo digital. Viabilizando operações, de compra, venda, aluguéis, pagamentos, anúncios e logística.

Além disso, o Mercado Livre se tornou um grande grupo empresarial. Cuja principal marca é a própria plataforma de varejo online.

Outras marcas incluem o seu braço de pagamentos e carteira digital, o Mercado Pago. E o seu braço de logística, o Mercado Livre Envios.

Esse, aliás, cresceu, substancialmente, nos últimos anos. Tanto que, em 2020, inaugurou sua própria frota de aviões: a Meli Air.

Aplicativo Mercado Livre

Como já falamos da estrutura e da história da empresa, chegou a hora do ponto central do nosso artigo. O aplicativo Mercado Livre.

Além da versão web, que é mais conhecida, do grande público (e a mais antiga, também), a plataforma também conta com um app. Esse, por sua vez, está disponível tanto para iOS quanto para Android. Em versões tanto para smartphone quanto para talbet.

Isso confere uma camada a mais de praticidade na lida com a plataforma. Especialmente, se você tem um negócio digital e precisa acessá-la com regularidade.

Além disso o serviço é, basicamente gratuito. Você pode baixá-lo, instalá-lo e anunciar os seus produtos sem pagar nada. As taxas serão cobradas, apenas, quando ocorrerem transações bancária. Como ocorre com o site.

É possível baixar o app tendo ou não uma conta no site. Nesse segundo caso, você terá de criar uma conta nova. No primeiro, basta logar. Você vai encontrar todas as suas compras e vendas na aba Minha Conta.

O Mercado Livre, antes, era utilizado como forma de vender produtos usados, em bom estado. Mas hoje, o app virou um marketplace, inclusive com lojas grandes. Assim, a maior parte dos produtos vendida é nova.

Visão Geral do Aplicativo ML

O principal ponto a ser destacado é a funcionalidade do aplicativo. Porém, ele se mostra pouco atrativo visualmente. Isso se dá, em parte, pela grande quantidade de informação disponibilizada ao mesmo tempo.

Isso também pode se dar por conta de que os usuários mais antigos se atraem pelos ícones, botões e layout azul e amarelo. Porém, isso pode ser um ponto negativo para os mais novos.

Isso é válido tanto para o app, quanto para o site. Porém, nesse último caso, o visual tente a ser mais prejudicado. Nos app, o visual fica mais enxuto e dinâmico.

No app, é mais fácil localizar as funcionalidades. A loja virtual, por exemplo, por ser a mais acessada, é a padrão.

Outro ponto interessante é que o perfil do consumidor já é definido quando você instala o aplicativo. Porém, você pode alterá-lo a qualquer momento para o seu perfil de vendedor.

Uma vez feita essa alteração, você ganha acesso ao Mercado Shops, o serviço de fornecimento de tecnologia do Mercado Livre. Apesar de ser um seviço bem completo, você pode acessá-lo sem sair do aplicativo.

Especialmente se você estiver como consumidor, pode favoritar os itens. E compartilhá-los através do Twitter, Facebook, WhatsApp ou, até, Gmail.

E, falando em Facebook, é possível logar com a sua conta na rede social. E isso pe uma exclusividade do aplicativo.

Fora isso, o aplicativo é bastante parecido com a sua versão web. É possível, por exemplo, pagar e receber pagamentos via cartões de crédito, débito, boleto bancário e crédito dentro da sua conta Mercado Live/Mercado Pago.

Integração Com Outros Serviços

Aliás, essa última função está bastante integrada com o aplicativo, que trata a carteira digital de forma bastante transparente. Além de fornecer um cartão de crédito, da Mastercard, próprio. Esse pode, inclusive, ser utilizado em qualquer loja do Brasil. Física ou virtual.

Além disso, existe uma forte integração com o Mercado Livre Envios. E esse está disponível tanto para pessoas físicas quanto por empresas. E, ao utilizar o serviço, os descontos podem chegar a, até 20%, visto que é utilizada frota própria para viabilizar o serviço.

Além disso, para os casos onde o acesso é mais difícil, existe uma parceria entre o Mercado Livre e os Correios. Isso pois, por lei, a estatal deve atender em todo o território nacional e não pode recusar nenhum pacote. Mesmo os vindos de outros serviços de logística.

Ou seja, através do aplicativo Mercado Livre, você consegue ter a certeza que o produto chegará. E por um preço justo.

Vantagens do Aplicativo do Mercado Livre

Depois dessa visão geral, é interessante elencar os pontos positivos de se usar o aplicativo Mercado Livre. A primeira é uma interface mais atraente que a de sua versão web.

Depois, notamos uma melhor integração com os demais serviços do grupo, como o Mercado Pago, de carteira digital e o Mercado Livre Envios, de logística.

Integração essa que, também, é mais fácil, com as redes sociais. Coisa que não encontramos na versão web.

Por fim, temos uma facilidade, maior para alternar entre os perfis de comprador e vendedor. Muito embora, a maior parte das pessoas só utilize um deles, é sempre bom ter essa opção.

Desvantagens do Aplicativo ML

Depois de citar os pontos positivos, devemos nos atentar para aqueles que contam pontos contra o app. Mas eles, felizmente, são poucos.

O primeiro é o layout. Como dissemos, ele melhorou muito na versão mobile, mas se encontra aquém de seus concorrente, por exemplo.

Além disso, a quantidade de informações na tela pode tornar seu uso um pouco menos agradável. Apesar desse problema, novamente, ser menor, na versão mobile.

Em resumo, o aplicativo Mercado Livre se mostra como uma opção bastante viável, tanto para compra quanto para venda. Apesar de que alguma melhoras são possíveis.