Telefone PIS – Central de Atendimento, SAC 0800

Telefone PIS

A Caixa Econômica Federal disponibiliza uma central de atendimento aos clientes que não têm como acessar a internet: o telefone PIS 0800. Esse setor tem como objetivo ajudar as pessoas a esclarecerem dúvidas sobre diversos programas sociais.

A partir dessa central de atendimento, você pode perguntar tudo o que quiser de forma ágil e prática. À medida em que a data de recebimento do PIS se aproxima, é comum que o contribuinte busque informações e queira esclarecer dúvidas sobre o PIS 2021. Assim, ele saberá o que fazer na hora de sacar o seu benefício.

Se você quer esclarecer alguma dúvida sobre o PIS, mas não sabe para qual número ligar, leia este texto aqui no Quero Telefone e resolva este problema.

Qual é o número do Telefone PIS 0800?

Para acionar o Telefone PIS 0800, é preciso ligar para 0800 726 0207. Esse número serve para realização de consultas e atendimentos referentes ao PIS, benefícios sociais, FGTS, entre outros.

Esse contato está disponível de segunda a sexta-feira, das 08hs às 21hs e, aos sábados, das 10hs às 16hs. A ligação para consulta do PIS pode ser feita pelo celular ou pelo telefone fixo.

Esse contato é muito útil para as pessoas que não podem consultar o seu PIS pelo app ou pelo site. Contudo, o ideal é que a pessoa utilize um telefone fixo, assim, a ligação se tornará gratuita.

Para encontrar a informação que você precisa, entre no menu de acordo com as informações e escolha a opção que você quer. Ao acionar o telefone PIS 0800, é preciso estar com os principais documentos em mãos.

Documentos necessários durante a ligação

Ao ligar para o telefone PIS 0800, a pessoa deve estar munida com alguns documentos importantes, dessa forma, ela poderá agilizar o seu próprio atendimento. Abaixo, veja quais documentos serão solicitados durante a ligação para o telefone PIS:

  • Número de inscrição do PIS ou NIS;
  • Palavra-chave de acesso ao cartão cidadão;
  • CNPJ ou CPF do empregador;
  • Documentos pessoais, como RG e CPF.

Outros serviços telefônicos da Caixa

Além do telefone PIS, a Caixa também possui outros contatos telefônicos. Dessa forma, se torna possível conseguir diversas informações sobre os serviços prestados por esse banco. A seguir, conheça alguns dos contatos telefônicos da Caixa:

  • Atendimento comercial: 0104 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 104 0104 (demais regiões);
  • Atendimento Caixa Empresa: 9008 (Capitais e Regiões Metropolitanas) e 0800 950 9008 (demais regiões);
  • Negocial: 0800 726 8068;
  • Suporte Tecnológico: 4004 0104 (Capitais e regiões metropolitanas) e 0800 104 0104​​​ (demais regiões);
  • De Olho na Qualidade (Exclusivo Minha Casa Minha Vida): 0800 721 6268;
  • Agência Digital: 3004 8104 (Capitais e regiões metropolitanas) e 0800 208 8104 (demais regiões​);
  • Atendimento aos clientes no exterior: 55 (61) 3533-2000 (ligação a cobrar – atendimento em português);
  • Deficiente Auditivo: 0800 726 2492;
  • SAC Caixa: 0800 726 0101;
  • Ouvidoria Caixa: 0800 725 7474;
  • Canal de Denúncia: 0800 512 6677;
  • Telefone Bolsa Família: 0800 726 02 07
  • Atendimento Caixa Seguradora: 3004 4000 (Serviços e Relacionamento), 0800 702 4280 (Sugestões, dúvidas, reclamações e cancelamentos – Serviço de atendimento ao cliente); 0800 702 4000 (Serviços e Relacionamentos); 0800 722 2492 (Assistência Dia & Noite e sinistros); 0800 702 4260 (Central de Atendimento ao Surdo) e 0800 702 4240 (Ouvidoria).

Quem tem direito ao PIS

O PIS é um direito garantido a qualquer trabalhador formal. Ou seja, para fazer parte desse benefício, é preciso ter uma inscrição ativa na carteira de trabalho e ela deve seguir todos os conceitos da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT).

Pré-requisitos do PIS

A seguir, veja os pré-requisitos necessários para ter direito ao PIS:

  • É preciso ter vínculo formal com registro em carteira de trabalho;
  • É preciso estar cadastrado no programa PIS a mais de 5 anos;
  • O recibo mensal do empregado deve ter, no máximo, dois salários mínimos;
  • O empregado deve ter, com antecedência ao ano de constância, trabalhado ao menos 30 dias com carteira assinada;
  • É preciso ter todos os dados atualizados no RAIS – Relação Anual de Informações Sociais.

Valores do PIS

O valor do PIS é definido com base no salário mínimo, e as pessoas que atenderem a cada um dos requisitos acima têm direito a esse benefício. A data de pagamento do PIS é definida de acordo com a tabela dele, mas o valor do abono salarial varia de acordo com o tempo de serviço do indivíduo.

O indivíduo deve trabalhar pelo menos 30 dias no ano base para se qualificar para o PIS. Cada mês de trabalho (30 dias) dá direito a 1/12 do valor total do benefício, ou seja, você só conseguirá o valor total do PIS se tiver trabalhado durante todo o ano base com a carteira assinada.

Tabela do Abono Salarial

Além do PIS, outro benefício ao qual o trabalhador tem direito é o Abono Salarial. A seguir, veja a tabela com os valores correspondentes a cada período trabalhado no ano base:

Meses trabalhados (dias)Valor do Benefício
1 (30 a 44)R$ 79,00
2 (45 a 74)R$ 157,00
3 (75 a 104)R$ 235,00
4 (105 a 134)R$ 313,00
5 (135 a 164)R$ 391,00
6 (165 a 194)R$ 469,00
7 (195 a 224)R$ 547,00
8 (225 a 254)R$ 625,00
9 (255 a 284)R$ 703,00
10 (285 a 314)R$ 781,00
11 (315 a 344)R$ 859,00
12 (345 a 365)R$ 937,00

PIS e Abono Salarial

Ao contrário do que muita gente pensa, PIS e a Abono Salarial não são a mesma coisa. O Abono Salarial é um benefício pago ao trabalhador pelo Governo Federal. Basicamente, esse benefício seria uma espécie de 14º salário.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, o PIS corresponde aos valores de cotas que são destinadas aos trabalhadores que tiveram sua carteira assinada até o ano de 1988.

Em resumo, apesar de ser frequentemente chamado de PIS, o benefício que é conhecido como 14º salário é o Abono Salarial. Para ter direito ao abono, o trabalhador precisa se enquadrar em certos requisitos e um deles é ter o cadastro no PIS, talvez isso explique a confusão entre os nomes.

Inclusive, para esclarecer dúvidas sobre o Abono Salarial, o contato telefônico disponível também é o telefone PIS 0800.